Menu
Resumo da Cadeira
Curso Enfermagem
Estado Candidaturas abertas
Regime Laboral
Ano 2º Ano
Semestre
ECTS 3
Partilhar curso
   

Objetivos de aprendizagem/ Competências

  • Compreender a relação de ajuda como processo preponderante no cuidar em enfermagem;
  • Identificar as dificuldades e recursos pessoais nas relações interpessoais;
  • Reconhecer os limites do seu papel e da sua competência, colaborando com outros profissionais no seio da equipa;
  • Reconhecer as suas crenças e os seus valores.
  • Respeitar os valores, os costumes, as crenças espirituais e as práticas dos indivíduos;
  • Prestar cuidados culturalmente sensíveis;
  • Ver o indivíduo, a família e a comunidade numa perspetiva holística;
  • Prestar cuidados de enfermagem de uma forma que respeita os limites de uma relação profissional com o cliente;
  • Considerar a perspetiva dos clientes e / ou cuidadores na tomada de decisão da equipa multiprofissional;
  • Demonstrar capacidade para reconhecer, respeitar e apoiar as necessidades das pessoas;
  • Demonstrar capacidade para estabelecer e manter relações de ajuda com efetividade.

Conteúdos programáticos

1. A relação de Ajuda – princípios e objetivos

1.1 O processo de comunicação como a base fundamental da relação de ajuda

1.2 O papel e funções do enfermeiro

1.3 Os princípios da abordagem centrada na pessoa e sua aplicação

1.4 As atitudes necessárias e suficientes: o autoconhecimento, o conhecimento do outro e a supervisão da gestão de emoções

2. A relação de ajuda em contexto terapêutico

2.1 Capacidade aceitação do quadro de referência interno da pessoa, sem julgamentos

2.2 A empatia como cerne

2.3 O reconhecimento da autonomia e cuidados centrados na pessoa

2.4 A escuta ativa e a atenção dirigida

2.5 A importância das considerações positivas

2.6 Atitudes do enfermeiro promotoras da qualidade da relação: Autenticidade e congruência; devolução de perceções; pragmatismo; autorrevelação; utilização do humor e a comunicação da esperança

2.7 A técnica da validação

2.8 A entrevista e a entrevista de ajuda

2.9 As exigências emocionais do cuidar em enfermagem e formas de lidar com as mesmas

Metodologias/
Avaliação

Discussão sobre crenças, tradições e práticas de saúde. Dinâmicas de grupo de desenvolvimento de competências relacionais, tendo em consideração competências já desenvolvidas no Laboratório Relacional de Enfermagem, dando-lhe continuidade (Dramatização; Língua Gestual e Análise das Emoções através das Expressões faciais). Role-play e role-reversal. Análise crítica de artigos ou exemplos ilustrativos dos conteúdos programáticos. Resolução de casos práticos e discussão em grupo. Treino prático de entrevista com supervisão e devolução de peer feedback. Elaboração e discussão de trabalhos de grupo. Trabalho de grupo, de reflexão sobre a evolução de competências de relação de ajuda demonstradas nas simulações iniciais para as finais, realizadas com supervisão do docente e devolução de peer feedback.
Modalidade de avaliação contínua.

Regente da Unidade Curricular

Sérgio Soares
(Prof. Doutor)

Partilhar curso